Belém

(Das agências) – Uma mulher, Maria Vera dos Santos Rodrigues, de 34 anos, morreu por volta das 17h de anteontem depois de ser atropelada por um avião bimotor da empresa Soure Táxi Aéreo, que pousava no aeroporto de Cametá, no interior do Pará. Maria estaria correndo na pista – interditada pela Aeronáutica – quando o bimotor começou o pouso. O avião atingiu a cabeça de Maria e arremeteu, prosseguindo vôo até o aeroclube de Belém. Dois policiais aguardavam o piloto Wilson Alexandre no aeroclube, mas não puderam fazer o flagrante porque o crime ainda não estava configurado, segundo a assessoria da Delegacia Geral de Polícia do Pará. O piloto foi convocado para prestar depoimento às 10h de ontem na Divisão de Investigações e Operações Especiais (Dioe) de Belém, mas não compareceu. O delegado Carlos Ivan vai convocá-lo novamente e, caso volte a faltar, o policial pode pedir sua prisão preventiva.