A Caixa Econômica Federal começa, nesta terça-feira (15), a pagar o abono salarial para trabalhadores nascidos em setembro e que ainda não receberam por crédito em conta. Neste lote são mais de 734 mil trabalhadores com direito ao saque do benefício do abono salarial. São ao todo R$ 567 milhões destinados para este pagamento.

Segundo o Governo Federal, aos trabalhadores da iniciativa privada os valores podem ser sacados com o Cartão Cidadão, mediante senha nos terminais de autoatendimento, agências, lotéricas ou correspondentes do Caixa Aqui.

Já para aos funcionários públicos, vale o dígito final do número de inscrição do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep). A partir desta terça-feira, fica disponível o crédito para inscritos com final 2. Os trabalhadores que nasceram entre julho e dezembro recebem o abono salarial do PIS ainda neste ano. Os nascidos entre janeiro e junho terão o recurso disponível para saque em 2021.

Os servidores públicos com o final de inscrição do Pasep entre 0 e 4 também recebem em 2020. Já as inscrições com final entre 5 e 9, recebem no ano que vem. Segundo o governo federal, o fechamento do calendário de pagamento do exercício 2020/2021 será no dia 30 de junho de 2021.

Quem tem direito ao Abono Salarial

Podem sacar o abono salarial trabalhadores inscritos no Programa de Integração Social (PIS) há pelo menos cinco anos e que tenham trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2019, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos. Também é necessário que os dados tenham sido informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) ou eSocial, conforme categoria da empresa.