Brasília

– O ministro Vantuil Abdala foi eleito, ontem, presidente do TST (Tribunal Superior do Trabalho). Ele assumirá o cargo no dia 14 de abril no lugar do então presidente do TST, Francisco Fausto. O mandato de Abdala será de dois anos. O novo presidente do TST reconhece que o maior problema do Judiciário brasileiro é a morosidade. “Creio que há solução para este problema, basta que haja vontade política. Para tanto, é fundamental a mudança nos códigos de processo. O número de recursos existentes na legislação brasileira é algo que impressiona qualquer estrangeiro que tome conhecimento do nosso sistema.” Durante seu mandato, Abdala espera pela promulgação emergencial de pontos da reforma do Judiciário para agilizar a criação do Conselho Superior da Justiça do Trabalho e da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento dos Magistrados do Trabalho.