enkontra.com
Fechar busca

Notícias

Brasil e Equador querem ampliar acordo de cooperação educacional

  • Por Redação O Estado Do Paraná

O Embaixador do Equador no Brasil, Diego Ribadeneira, ao sair de reunião hoje, (14), com o ministro da Educação, Cristovam Buarque, informou que o vice-presidente do Equador, Alfredo Palácio, visitará o Brasil brevemente e deverá assinar novos acordos de cooperação educacional com o País.
Diego Ribadeneira contou que o Programa Bolsa-Escola foi implementado no Equador em 1993, com o apoio do ministro, quando era professor da Universidade de Brasília (UnB). “Cristovam morou no Equador, conhecia bem o país. Hoje, o Bolsa-Escola é um dos programas prioritários do nosso governo”, afirmou.
O Equador é parceiro do Brasil em acordos de cooperação educacional e cultural desde a década de 40. Segundo o embaixador, no novo acordo que deverá ser assinado, o Equador pretende ampliar a cooperação técnica para a implementação de programas educacionais similares aos brasileiros, tais como Dinheiro Direto na Escola (PDDE), Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) e  TV Escola.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas