Brasília – O presidente Luiz Inácio Lula da Silva vai negociar com o relator do Orçamento da União para 2007, senador Valdir Raupp (PMDB-RO), para que as medidas de desoneração de impostos coincidam com as que estão sendo analisadas pelo governo. "Solicitamos ao senador Valdir Raupp que em vez de ele bolar umas desonerações lá e nós outras, que  fizéssemos em conjunto", informou o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, ao deixar o ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, onde participou da reunião do Conselho Nacional de Desestatização (CND).

Nesta quarta-feira (22) a equipe econômica apresentará ao presidente Lula o novo formato do programa que tem como objetivo alavancar a economia para que haja crescimento de 5% a partir de 2007.

Paulo Bernardo disse que não será nesta reunião que as medidas (desoneração) ficarão prontas. "Eu acho que algumas coisas ele (o presidente) vai dizer que estão boas e outras vai pedir para aperfeiçoar", disse.

O ministro acredita que o anúncio será feito até o dia 15 de dezembro. Somente após fechar o pacote com a equipe econômica é que Lula conversará com Raupp, informou o ministro.

Na reunião do CND, da qual também participaram o ministro do Desenvolvimento, Luiz Fernando Furlan, e representantes do Ministério da Fazenda e da Casa Civil, ficou decidido que o Ministério da Fazenda fará um levantamento sobre o processo de privatização do Banco do Estado do Piauí (BEP), já aprovado pelo Tribunal de Contas da União (TCU), e que foi interrompido.