O traficante Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, deve chegar a Brasília antes das 14h, com desembarque previsto para o hangar da Polícia Federal, nas proximidades do aeroporto.

O embarque para a capital ocorreu no começo da manhã de hoje (24), em Maceió, onde Beira-Mar estava preso desde novembro do ano passado, na Superintendência da Polícia Federal em Alagoas. O governo estadual pediu a transferência, alegando falta de segurança.

O chefe da assessoria de comunicação da Polícia Federal, Josiel Brito, diz que esse tipo de transferência é praxe."É uma questão de segurança. Ele nunca fica mais de três meses em um só lugar", lembra Brito.

Segundo ele, é possível que Beira-Mar seja transferido da sede da Polícia Federal em Brasília para o presídio federan que está sendo contruído em Cuiabá (MT), com fim das obras previsto para junho deste ano,

O traficante foi preso em 2001 na Colômbia e já possui duas condenações no Brasil. Em Belo Horizonte, ele foi condenado a 11 anos de prisão por tráfico. Em Cabo Frio, a 20 anos, por formação de quadrilha e tráfico.