O Brasil é campeão invicto do 15.º Campeonato Sul-Americano Cadete de Basquete, realizado no Equador. Ontem à noite, em Cuenca, os brasileiros derrotaram a Argentina por 73 a 72, com 28 pontos do cestinha Marcus Vinicius, eleito o melhor jogador da competição.
 
Nas 14 edições que disputou o Sul-Americano, o Brasil foi campeão seis vezes: 1984, 1985, 1991, 1996, 1997 e 2002. A delegação brasileira retorna ao país nesta quinta-feira (Avianca ? vôo 85), desembarcando às 6:15 horas no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, e às 8:15 horas, no Aeroporto Tom Jobim, no Rio de Janeiro.
 
“Foi uma partida equilibrada e só decidida nos instantes finais. Faltavam 15 segundos para o término e o jogo estava empatado em 71 a 71, quando a arbitragem marcou uma falta contra o Brasil. Eles converteram apenas um dos dois lances-livres e ficaram um ponto na frente (72 a 71). Fomos ao ataque e sofremos uma falta. O Marcus Vinicius converteu os dois arremessos e passamos a frente: 73 a 72. Ainda restavam cinco segundos para o fim do jogo. Conseguimos fazer uma boa marcação e ainda recuperamos a bola Ganhamos a partida e o título invicto”, explicou o técnico Flávio Davis, ressaltando o apoio dos 5 mil equatorianos que lotaram o ginásio de Cuenca.
 
Campanha do Brasil
1ª Fase
91 x 63 Colômbia, 86 x 53 Chile, 113 x 52 Peru e 113 x 57 Equador
Semifinal ? 100 x 87 Venezuela
Final ? 73 x 72 Argentina
6 jogos e 6 vitórias
576 pontos pró e 384 pontos contra 
 
Classificação final
 
1.º – Brasil; 2.º – Argentina; 3.º – Venezuela; 4.º – Colômbia; 5.º – Chile; 6.º – Uruguai; 7.º – Paraguai; 8.º – Equador; 9.º – Bolívia; 10.º – Peru.