O superávit de US$ 2,493 bilhões da balança comercial de janeiro é 12,34% menor do que o superávit de janeiro de 2006, que foi de US$ 2,844 bilhões. A média das importações mantém a tendência de crescimento.

Na comparação com janeiro do ano passado, a média das importações cresceu 31,3%, enquanto que a média das exportações teve um avanço de apenas 18,3%. Em relação a dezembro de 2006, a média das exportações caiu 18,5%. Já a média das importações subiu 6,6%. No acumulado de 12 meses, as tiveram uma expansão de 15,8%, enquanto que as importações aumentaram 24,9%.

O superávit de janeiro contrariou as expectativas de economistas consultados pela Agência Estado, que projetavam para o mês um saldo positivo de US$ 2,5 bi a US$ 3,5 bi.