A marca chinesa Chery realiza o recall de 12.462 veículos no Brasil. Estão incluídos os modelos Tiggo e Cielo (tanto hatch quanto sedã). Foi detectado amianto, material cancerígeno, aplicado na junta do coletor de admissão e escape no motor em diversas unidades, incluindo algumas vendidas no Brasil. Segundo a empresa, não houve nenhum caso de dano à saúde registrado no país. A empresa diz que fará treinamento especial para os profissionais que executarão as trocas nas unidades, que pressupõe nível específico de proteção para os agentes da troca. No Brasil a Chery enviou ao DPDC (Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor) um plano de anúncio da convocação.