A novidade do momento é o John Cooper Works Countryman, primeira versão esportiva do carro de quatro lugares da Mini que estreará no Salão de Genebra, na Suíça. Mas antes de darmos continuidade a notícia, precisamos explicar o que as siglas JCW significam atualmente para a Mini.

Quando alguém compra um carro da marca inglesa nesta versão, deve preparar-se para entrar num mundo totalmente diferente do descolado carrinho que é o Cooper, Countryman e todos os outros da família Mini. O visual externo faz jus à linha esportiva e as rodas de 18 polegadas são exclusivas para esta versão do Countryman, assim como as faixas sob o capô e na lateral das portas. Fora as saias laterais, o aerofólio e o interior do carro com detalhes em vermelho. De acordo com a marca inglesa, há chances do carro ser apresentado pela primeira vez em outubro deste ano, durante o Salão de São Paulo, no Parque Anembi.

Com o pacote JCW, seu motor 1.6 turbo – de série a partir da versão S – passa a desenvolver 211 cv de potência e 28,6 kgfm de torque. Além disso, a tração integral ALL 4 e o câmbio manual de 6 marchas fazem do pequeno carro inglês uma fonte de diversão para o dia-a-dia e para as pistas. A sua suspensão também passou por modificações e ganhou características mais esportivas. Seu motor de 211 cv de potência é o mesmo utilizado no Cooper JCW comercializado no Brasil por R$ 150.950,00).  Porém, este é o primeiro modelo oriundo da gama esportiva da Mini que recebeu um câmbio automático de 6 marchas como opcional.