Conhecida por fabricar veículos utilitários, carros e “scooters”, a Mahindra vai disputar o competitivo mercado indiano de motos com duas motos recentemente anunciadas, uma delas a Mojo, uma “naked” de visual bastante incomum e esportivo.

A Mojo é equipada com motor de 300 cilindradas, monocilíndrico, 4 tempos, 4 válvulas, SOHC, refrigerado por líquido com potência de 26 cv a 8.500 rpm e torque de 24 Nm a 7000 rpm. Seu câmbio é de 6 marchas.

O sistema de injeção eletrônica foi desenvolvido pela Ducati Energia da Itália. O escapamento é duplo. Sua suspensão dianteira conta com garfo invertido da italiana Paioli e a traseira é monoamortecida com amortecedor montado horizontalmente.

O freio tem disco de 320 mm na dianteira e disco de 220 mm na traseira. O painel de instrumentos é digital com velocímetro, nível de combustível, hodômetro e hodômetro parcial.

A lanterna traseira é com LED e os piscas têm lentes cristal. O tanque de combustível tem capacidade para 15,5 litros e o peso (em ordem de marcha) é de 160 Kg.

Os pneus são Pirelli 100/80 – 17″ e 150/60 -17polegadas. Nas cores preto, prata e vermelho, a Mojo estará disponível nas revendas da marca em 2011. O preço sugerido de venda será de 175 mil rúpias, algo em torno de R$ 6.700,00 numa conversão direta.