Para o Salão de Genebra deste ano, a Mercedes-Benz levou a terceira geração do Classe A. O novo modelo abandonou o perfil monovolume e se transformou num “hatchback” esportivo, pronto para competir com os novos Audi A3 e Volvo V40 – que também estréiam na mostra suíça – e com a segunda geração do BMW Série 1.

O centro das atenções da presença da Mercedes-Benz no Salão Internacional de Genebra até o dia 18 de março (domingo) será a apresentação mundial do novo Classe A. A empresa está iniciando um novo capítulo no segmento dos compactos: “design” emocionante e poderosos motores que vão de 80 kW (109 hp) a 155 kW (211 hp), extremamente eficientes, com emissões de apenas 99 g/CO2 por quilômetro. O novo modelo reforça que, para a Mercedes-Benz, segurança não é uma questão de preço. As especificações de série incluem, entre outras tecnologias, o sistema COLLISION PREVENTION ASSIST (assistência de prevenção de colisões), baseado em radar.

Com sua original interpretação do clássico formato de dois volumes, os “designers” da Mercedes criaram um exterior pleno de emoção, com claro ar esportivo. Começando por ele ficar até 18 centímetros mais próximo da pista do que o seu antecessor. Os destaques visuais marcantes incluem, por exemplo, as entradas de ar, que sobressaem como “jóias brilhantes”, de acordo com Hartmut Sinkwitz, chefe de Design Interior, ressaltando assim a excepcional qualidade do interior. O caráter esportivo do veículo é reforçado ainda mais pelos assentos integrais (opcionais) na dianteira. O banco traseiro é igualmente esportivo na aparência e pode levar até três passageiros.

Assim como o modelo básico, que pode ser individualizado com uma ampla gama de opcionais há algumas linhas de “design” e equipamento que foram reunidas com os desejos do consumidor em mente. Serão oferecidas, inicialmente, três versões de acabamento: Urban, Style e AMG Sport. Em todas as versões a tração é dianteira, porém posteriormente a M-Benz vai oferecer tração integral como opção. O câmbio pode ser manual de seis velocidades ou automatizado, com sete marchas, duas embreagens e opção de trocas por meio de borboletas atrás do volante.

Embora a apresentação mundial do novo Classe A tenha sido no Geneva Motor Show 2012, o carro chegará às concessionárias européias em setembro deste ano e no Brasil em 2013.