enkontra.com
Fechar busca

Automóveis

Kombi de 1975 com estilo próprio é a paixão da família

Carro foi personalizado nas cores branca e laranja e chama a atenção por onde passa

  • Por Giselle Ulbrich, Afp

A família aumentou, os filhos cresceram e as viagens começaram a ficar apertadas no Fusca da família Rebuli. Por causa disto é que o técnico de processos industriais Marco Rebuli, 44 anos, decidiu comprar um carro maior. Ele pensou numa pick-up, mas foi a esposa – que tem um Fusca todo personalizado e participa de encontros de Volks antigos – que deu a ideia: por que não ser diferente de todo mundo e comprar uma Kombi? Precisa dizer que o Rebuli adorou a sugestão?

E assim a família adquiriu a Kombi 1975 há oito anos, que originalmente era branca e vermelho cereja. Já que a ideia era ser diferente, os Rebuli então decidiram ousar mesmo: personalizaram a Kombi toda em branco e laranja, o que de fato faz o veículo chamar atenção por onde passa. E assim viaja a família, com o casal nos bancos da frente e cada um dos dois filhos espaçosamente em um banco traseiro cada, sem contar o Fusca sendo puxado pelo engate atrás da Kombi. Ainda sobra bastante espaço para malas e os “agregados”.

“Na estrada, é muito divertido. Não passamos de 65 km/h. A cara das pessoas que ultrapassam o Fusca e veem que ele está “andando sozinho” é muito engraçada, até que se dão conta que está sendo puxado pela Kombi’, destaca Marco. Geralmente Rebuli vai a encontros de Volks antigos, deixa o Fusca da esposa em exposição e sai com a família pela cidade passeando com a Kombi.

Personalização

Já que a ideia era torna-la diferente, a família fez várias personalizações no utilitário, que passou 18 meses procurando antes de comprá-lo. Além da pintura laranja, colocaram bagageiro, substituíram bancos para ficarem mais confortáveis, colocaram televisão, penduricalhos por todo o veículo, faróis direcionais manuais, a placa alemã que Rebuli ganhou de um amigo da Alemanha, entre outros. Até uma cama (tipo rede) ele projetou, para poder dormir durante viagens longas. Ele e a esposa ficam na rede “presidencial”, com direito a assistir televisão, e cada filho dorme num banco.

Um dos charmes da Kombi é a janela Safari, já que o ano de série da Kombi de Rebuli foi todo produzido para os mercados africano e australiano. Durante os safáris africanos, o calor dentro do veículo era muito grande. A janela aberta para fora trazia mais segurança aos ocupantes e resolveu o problema da ventilação. Mas quando chove, a janela safári não veda bem, o que leva muitos donos de Kombi a trocá-las pelas janelas normais. Para mantê-la neste estilo, Rebuli teve que trocar toda a borracha ao redor. Outro detalhe no vidro dianteiro são as pequenas abas, sobre o limpador de para-brisas, chamadas difusores. Já que o motor do limpador não é tão forte, quando o carro está andando o vento bate nas abas e força contra o vidro, fazendo com que a força nas palhetas limpe melhor a chuva.

Casamentos

Rebuli começou por acaso a usar a Kombi em casamentos, para transportar os noivos. Quando começou a participar de eventos, a Kombi chamava muita atenção até que ele recebeu um telefonema da agência de publicidade do Washington Olivetto, em 2007. O convite era para que a Kombi participasse de um comercial da Claro. Rebuli aceitou, com a condição que ele acompanhasse todo o trabalho.

E foi Rebuli para a praia de Moçambique, em Florianópolis (SC), onde um grupo de jovens filmaria o comercial no veículo. Mas diante dos jovens não conseguirem dirigir a Kombi, o próprio Rebuli teve que dirigi-la e aparece em alguns lances discretos nas imagens.

Passados dois ou três meses, Rebuli recebeu o telefonema de um dos “grandões” da Rede Globo, fazendo uma ponte entre ele e um grande diretor do HSBC em Curitiba. A filha deste diretor ia casar e, quando viu a Kombi no comercial, queria usá-la em seu casamento. Mas a escolha não foi por acaso. O noivo gostava muito de Kombis e ela queria fazer uma surpresa para ele. Rebuli topou mais um,a vez e foi para a cerimônia, numa igreja no Largo da Ordem. A surpresa foi na saída da cerimônia, quando a noiva mostrou o veículo que os transportaria até a festa e o noivo se emocionou, deixando rolar uma lágrima. “A noiva brigou com ele: ‘Poxa! Você não chorou no nosso casamento e agora chora vendo a Kombi!’. Foi uma cena muito inusitada e engraçada”, relatou Rebuli.

O técnico conta que, nesta mesma festa, havia outros dois casais planejando o casamento e se interessaram em perguntar quanto era o aluguel da Kombi. Rebuli, que até então não tinha cobrado nada pelo comercial e pelo casamento, decidiu tornar o negócio profissional. Fez uma pesquisa de preços e começou a alugar o veículo para festas. “Mas meu negócio nunca foi este. Fazia porque era uma diversão para mim”, disse Rebuli, que após alguns anos, se viu obrigado a diminuir drasticamente a agenda de eventos com a Kombi, pois já não tinha mais final de semana com a família.

Logo Day

Quem conversa com o Rebuli logo vê que é uma pessoa muito divertida e que gosta muito da família. Mas quando ele fala num evento que está organizando, parece que tem um parafuso a menos na cabeça. No próximo domingo, 2 de setembro, ele fará o 2º Logo Day. O objetivo é, utilizando Kombis, desenhar o painel de uma Kombi, além de comemorar com um encontro de mais de 150 Kombis os 55 anos de fabricação do modelo no Brasil. Apesar de ter projetado um desenho utilizando 50 Kombis, ele já tem 80 inscritas no evento. A montagem da logo terá início às 10h, no pátio da concessionária Copava (Rua dos Funcionários, 1.000, Cabral).

Para entender melhor a maluquice do Rebuli, que já montou uma logo da Volkswagen uma vez usando Fuscas, acesse o vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=3GzcSRQRnwI&feature=youtu.be

Ou então, no YouTube, digite “Rebuli Kombi Logo Day” e conheça as loucuras que o técnico já fez com Kombis e Fuscas!

***

Caro leitor

Quer mostrar a paixão pela sua máquina nas páginas do Jornal do Automóvel? Então faça como a Família Rebuli, dona desta Kombi, que é seu maior xodó! Mande seu email para giselleu@tribunadoparana.com.br. Você pode ser o próximo a mostrar que tem Gasolina na Veia!

Veja na galeria de fotos a Kombi.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

2 Comentários em "Kombi de 1975 com estilo próprio é a paixão da família"


Larissa
Larissa
1 ano 8 meses atrás

Nós também temos uma Kombi ♥ ela serve para: carro da noiva, pré-weddings, fotocabine com fotos polaroids reveladas na hora para seus convidados e muito mais!
Ela é a única Fotocabine em forma de KOMBI de Curitiba. Fale com a gente http://www.producitrus.com ou instagram: @akombinha

flavio rogerio
flavio rogerio
6 anos 10 meses atrás

legal gostei da reportagem muito bom. e ja tive oportunidade de trabalha com ele numa multinacional e muito divertido o rapaz ai.
abraço flavio

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas