Com significativas mudanças no design, opções de carroceria e uma terceira porta do lado direito, no estilo “suicida”, que facilita o acesso aos passageiros do banco traseiro na Strada Cabine Dupla, a Fiat lança a linha 2014 da sua picape. Com chegada prevista para o início de novembro, a Strada está com preços que começam em R$ 33.750 para a versão de entrada (Working cabine simples) e chegam aos R$ 54.360 na top de linha (Adventure cabine dupla).

Nesta nova linha, a picape que está no mercado desde 1988 e lidera o segmento passa a ser oferecida em seis versões, sendo três delas Working (com cabines simples, estendida e dupla), uma Trekking (cabine dupla) e duas Adventure (cabine estendida e dupla). As motorizações são as mesmas. A Working vem equipada com motor Fire 1.4 flex, de 86 cv e torque de 12,5 kgfm (com etanol). Os modelos Trekking têm motor E-torQ, que visa alto desempenho com baixo consumo de combustível: o 1.6 16V flex desenvolve 117 cv e torque de 16,8 kgfm. A Adventure é a mais potente, com propulsor 1.8 16V de 132 cv e torque de 18,9 kgfm. Esta última ainda oferece o câmbio automatizado Dualogic nas carrocerias de cabine estendida e dupla.

A maior inovação no modelo, está na nova configuração de três portas. Oferecida nas versões com cabine dupla, a porta auxiliar vem situada do lado direito, facilitando o acesso dos passageiros ao banco traseiro. Segundo a Fiat, esta porta, que se abre em sentido invertido (estilo conhecido como “suicida”), só pode ser acionada quando a do passageiro de frente também estiver aberta. Para contar com a inovação, a picape perdeu a coluna central do lado direito e o cinto de segurança do passageiro da frente fica fixado na terceira porta. A maçaneta fica “escondida” na parte interna do vão da porta, com acionamento duplo.

De acordo com a marca, a caçamba cresceu 8 centímetros na altura, aumentando em 18% a capacidade do volume de carga em relação à Strada 2013. A mais beneficiada foi a versão com cabine curta, que agora leva até 120 litros a mais. A cabine estendida ganhou mais 110 litros de capacidade e a cabine dupla, 100 litros.

Todas as versões ganharam novas molduras para as caixas de rodas e para a tampa traseira O para-choque traseiro foi redesenhado: as lanternas estão em uma posição mais elevada, invadindo a lateral. O porta-escada e a grade de proteção do vidro traseiro também mudaram. Na versão Adventure, há uma nova moldura no para-lama. Internamente, ela tem novo volante, assim como a Trekking, e nova grafia no painel de instrumentos.