A Toyota levou um grupo de jornalistas brasileiros até o autódromo de Gamagori, próximo a Nagoya, no Japão, para conhecer o esportivo GT86, que poderá ser lançado no Brasil até o início de 2015 com preço em torno de R$ 150 mil. O modelo, que é o resultado de uma parceria entre as marcas Toyota e Subaru, está nas lojas japonesas desde abril de 2012. Suas vendas já ultrapassaram a 100 mil unidades.

A Subaru também oferece o modelo com o nome de BRZ e nos Estados Unidos, onde é comercializada pela Scion (subsidiária da Toyota), chama-se FR-S. Pesando 1.200 quilos, o esportivo é equipado com motor de 2.0 da Subaru, com injeção direta de combustível, que fornece 200 cv a 7.000 rpm e torque de 20 kgfm a 6.600 rpm. O câmbio é manual ou automático de seis marchas e possui tração traseira.

De acordo com a Toyota, o maior entrave para a sua venda no mercado brasileiro é a gasolina, que tem adição de 25% de etanol. O motor boxer do GT86 é considerado especialmente sensível aos efeitos desta mistura. A engenharia da marca japonesa precisaria de um prazo superior a de um ano para promover as adaptações necessárias.

Ao volante

Em uma rápida avaliação na pista do autódromo, o modelo, com a direção no lado direito e um visual bastante chamativo, apresentou credenciais suficientes para justificar seus bons números de venda. A posição de dirigir é típica dos esportivos, mas não chega a ser deitada demais. O bom gosto predomina no interior. O ronco do motor pode ser interpretado como um convite para pisar fundo no acelerador. E mesmo nas curvas mais fechadas, permanece grudado na pista. A transmissão automática com trocas sequenciais das seis marchas atrás do volante é rápida e muito bem escalonada. No Brasil, o GT86 teria como o principal concorrente, considerando a faixa de preço, o Peugeot RCZ (R$ 134.490) é equipado com o motor 1.6 THP turbo, de 165 cv a 6.000 rpm e 24,5 kgfm de torque a 1.400 rpm.

Além do GT86, a Toyota também colocou para demonstração na pista de Gamagori o sedã de luxo Crow (híbrido), o sedã médio Sai e o Aqua G Sports, que na realidade é o Prius C e foi um dos lançamentos da marca no Salão de Tóquio, que termina neste domingo