enkontra.com
Fechar busca

Automóveis

Encontro comemora 40 anos do SP-2

Evento reuniu 32 veículos que viajaram de várias partes do País

  • Por Ari Moro

A data que marcou a passagem dos 40 anos de fabricação do esportivo SP-2 da Volkswagen no Brasil foi comemorada, na cidade de Barra Bonita\SP, nos dias 10 e 11 de dezembro de 2011, com um encontro de antigomobilistas proprietários e de seus cobiçados automóveis. O evento reuniu 32 veículos cujos proprietários se deslocaram de cidades tais como Curitiba, Brasília, Campo Grande, Barretos, Comburiu, Joinville, entre outras, além de um cidadão entusiasta do carro, vindo da Suíça.

Foi destaque a presença de dois projetistas brasileiros que trabalharam naconstrução do veículo: Mário Piancastelli e José Novita. De Curitiba, esteve presente o antigomobilista Ubirajara Gouvea, lembrando que, o projeto do SP-2 nasceu em 1969, tendo o veículo sido exposto ao público pela primeira vez na Feira da Indústria Alemã, realizada em março de 1971, em São Paulo\SP, causando admiração. No entanto, o preço do carro era equivalente ao de dois automóveis Volkswagen 1.300cc na época. Apesar disso, as vendas tiveram sucesso, tendo sido fabricadas 10.025 unidades até dezembro de 1975, quando o modelo saiu de linha. Foi o primeiro carro brasileiro com projeto local, quando era presidente da Volkswagen nacional Rudolf Leiding. O desenhista responsável foi Senor Schiemann, sendo que, a parte frontal do veículo foi inspirada no modelo europeu VW 412 – Type4.

Quando do lançamento, possuía as versões SP-1 – 1.584cc e 65CV – e SP-2 – 1.678cc e 75CV, tendo sido utilizados basicamente o chassi e a mecânica da VW Variant, com freios dianteiros a disco e alimentação do motor por dois carburadores. Cerca de 670 automóveis foram exportados, comentando-se que foram parar nas mãos de príncipes árabes e até do cantor Michael Jackson. Detalhes que chamavam a atenção: frisos laterais em vermelho refletivo, limpadores de para-brisa com hastes pantográficas e para-choques de borracha. Além de bancos e acabamento interno revestidos em couro, foi o primeiro modelo de automóvel brasileiro a possuir a alavanca de acionamento dos limpadores de para-brisa na coluna de direção.

Outro ponto interessante era a altura do veículo em relação ao solo, de 1.158mm, mais baixo que o modelo VW Karmann Ghia ou o Porsche 914. Enfim, o encontro de Barra Bonita funcionou como ótima oportunidade para que os proprietários do modelo SP confraternizassem e aproveitassem para mostrar um automóvel que se configura como um dos mais bonitos feitos até hoje no Brasil.

Visão panorâmica dos veículos no evento.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas