ja791.jpgWellington Cirino e Geraldo Piquet, que se recuperam de fraturas sofridas em acidentes, vão acompanhar a sétima etapa do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck, a ser disputada no próximo domingo (18/9), no Autódromo Internacional de Curitiba (AIC), situado em Pinhais (PR). Pilotos titulares da equipe ABF/Mercedes-Benz, Cirino e Piquet estão fora das pistas desde a etapa de Londrina.

Geraldo sofreu um acidente de moto numa rodovia de Minas Gerais no final de junho, quando sofreu rompimentos dos ligamentos do joelho direito e fratura na bacia. Já Cirino acidentou-se nos treinos livres da etapa de Londrina, disputada no dia 10 de julho, quando sofreu fraturas no tornozelo, tíbia e fíbula da perna esquerda e mão direita.

A recuperação dos dois pilotos está acima do esperado. Geraldo já faz exercícios na piscina, anda de muletas e já dirige o próprio carro. Cirino passou por exames recentemente na Santa Casa de Londrina, quando os médicos constataram que a calcificação das fraturas está bem mais rápida do que se previa.

Segundo Geraldo Piquet, até o final do mês fará novos exames para se ter uma definição de quando voltará a pilotar um Fórmula Truck. ?Estou ansioso para voltar a correr. Estamos nos recuperando bem e acredito que quando voltarmos, estaremos em boa forma?, afirma Geraldo, acrescentando que será bom estar em Curitiba, torcendo por um grande espetáculo.

Já  Wellington Cirino vai a Curitiba na expectativa de que possa continuar liderando o campeonato. Para que isso aconteça basta que o vencedor não seja Fabiano Brito (PR), Leandro Totti (PR) e Vignaldo Fizio (SP), pela ordem vice-líder, terceiro e quarto colocado na classificação. Cirino tem 69 pontos, contra 50 de Fabiano Britto (PR), 48 de Leandro Totti (PR) e 44 de Vignaldo Fizio (SP).

Cirino continuará líder se o vencedor for, por exemplo, Djalma Fogaça, Renato Martins ou Beto Monteiro. ?Vai ser difícil acompanhar a corrida dos boxes e ainda por cima vivendo a expectativa de continuar líder ou não. Mas será muito bom estar novamente no agito da categoria e quem sabe eu o Geraldo não façamos uma corrida muletas pelos boxes?, brinca Cirino, bicampeão da Fórmula Truck (2001 e 2003) e vice-campeão em 2002 e 2004.

Classificação

Com seis etapas realizadas, a classificação do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck é a seguinte: 1.º) Wellington Cirino (PR), com 69 pontos; 2.º) Fabiano Britto (PR), 50; 3.º) Leandro Totti (PR), 48; 4.º) Vignaldo Fizio (SP), 44; 5.º) Roberval Andrade (SP), 36; 6.º) Djalma Fogaça (SP), 35; 7.º) Beto Napolitano (SP), 29; 8.º) Beto Monteiro (PE), 27; 9.º) Jonatas Borlenghi (SP), 25; 10.º) Diumar Bueno (PR), 24; 11.º) Débora Rodrigues (SP), 20; 12.º) Pedro Muffato (PR), 19; 13.º) Renato Martins (SP), 17; 14.º) Fred Marinelli (SP), 14; 15.º) Geraldo Piquet (DF), 13; 16.º) João Maistro (PR), 12; 17.º) Felipe Giaffone (SP), 12; 18.º) José Cangueiro (SP), 8; 19.º) Daniel Gianfratti (SP), 6; 20.º) Eduardo ?Macarrão? Fraguas (SP), 4; 21.º) Luiz Carlos Zapellini (SC), 3; 22.º) Heber Borlenghi (SP), 3; 23.º) Jorge Fleck (RS), 2; e em 24.º) Herberto Heinen (RS), com 1 ponto.