A GM do Brasil resolveu dar uma mexida na linha Astra, líder de vendas entre os “hatches” médios há dez anos. Assim a linha 2010 traz como novidade apenas uma versão de acabamento – tanto para o “hatch” quanto para o sedã -, uma lista maior de equipamentos de série e o melhor, sem aumento no preço.

De acordo com a GMB, o Astra 2010 recebeu um pacote similar ao da versão Elegance. Ou seja, vem de série com ar condicionado eletrônico digital com controle automático da temperatura, regulagem elétrica de altura dos faróis halógenos e faróis com desligamento automático temporizado (15 segundos), espelho retrovisor eletrocrômico, limpador do vidro traseiro acionado automaticamente ao engate da ré, descansa braço central, portinhola de acesso ao porta-malas pelo habitáculo. Sai de fábrica também com direção hidráulica, alarme, faróis de neblina e trio elétrico.

Por dentro a nova linha traz poucas novidades nos detalhes de acabamento como às maçanetas prateadas e o quadro de instrumentos com moldura preta, fundo branco, ponteiros pretos e anéis cromados.

O Astra recebeu, também, algumas mudanças no “design”. Muito poucas, mas valem ser destacadas: rodas de liga leve aro 16 polegadas (herdados da versão SS), farol de neblina no pára-choque dianteiro, e ponteira do escapamento polida e em formato oval.

O motor usado na linha Astra 2010 é o conhecido 2.0 Flexpower, 4 cilindros em linha, que desenvolve potência máxima de 133 cavalos com gasolina e 140 cavalos com álcool, ambos a 5.600 rpm e 18,9 mkgf de torque máximo com gasolina e 19,7 mkgf com álcool, ambos a 2.600 rpm. Esse motor tem o coletor de admissão em material plástico, que propicia uma redução de 30% no peso em relação ao alumínio.

Com esse motor e o câmbio manual de cinco velocidades, o Astra 2010 chega a velocidade máxima de 200 km/h, quando abastecido com álcool e 195 km/h, com gasolina, e acelera de 0 a 100 km/h em 9,8 segundos com álcool e 10,3 segundos com gasolina.

Equipado com a transmissão automática de quatro velocidades (item opcional) , atinge a velocidade de 198 km/h com álcool e 190 km/h com gasolina, e acelera de 0 a 100 km/h em 11,2 segundos (álcool) e 12 segundos (gasolina).

Em resumo: o novo Astra chega mais equipado, custando a mesma coisa, ou seja, a partir de R$ 44.389. O cliente pode optar, ainda, por dois pacotes de equipamentos. Se quiser “air bag” duplo e aerofólio traseiro com câmbio manual pagará R$ 46.239.

Se a opção for pelo “air bag” duplo, aerofólio traseiro, transmissão automática de 4 velocidade e piloto automático, o preço sobe para R$ 50.240. O Astra sedan também será oferecido com os mesmos itens custando entre R$ 47.504 e R$ 51.505,00.