Já na segunda temporada de retorno ao Campeonato Mundial de Superbike com a RSV4, a Aprilia sagrou-se campeã nas mãos do também italiano Max Biaggi, em 2010. Confiante no motor V4, a Aprilia já lançou em meados de 2010 uma réplica do modelo, exclusivamente para a pista. Com 200 cavalos de potência máxima, cerca de 20 cv a mais do que a versão de rua, a RSV4 Biaggi Replica trazia os mesmos grafismos da moto do italiano e especificações que a deixavam pronta para entrar na pista. Tanta exclusividade e tecnologia tinham um preço: 50.000 euros, cerca de R$ 127.000.