O relator-geral do Orçamento, senador Valdir Raupp (PMDB-RO), afirmou que o atraso na aprovação do Orçamento 2006, que só foi votado em abril deste ano, comprometeu o crescimento da economia. Segundo o senador, sem o Orçamento durante 1/3 do ano, o governo não pode atuar para "puxar" os investimentos e aquecer a economia.

Raupp ressaltou que neste ano a Comissão de Orçamento cumpriu rigorosamente os prazos e disse que a possível aprovação do relatório final, hoje na comissão e amanhã no Congresso, reflete o empenho dos integrantes da comissão.

O relator destacou a elevação dos investimentos inicialmente previstos na proposta encaminhada pelo governo de R$ 16 bilhões para R$ 26 bilhões, excluídos os investimentos das empresas estatais (cerca de R$ 40 bilhões).

A reunião para votar o texto principal do relatório começou há pouco, no plenário 2.