beirario.jpg
O Atlético-PR terá de "engolir" a decisão da Conmebol e mandar o primeiro jogo
da final da Copa Libertadores da América – contra o São Paulo, quarta-feira, às
21h45 -, no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. A CBF praticamente "lavou as
mãos" e não vai comprar briga com a entidade que manda no futebol sul-americano
para levar a partida de volta para a Arena da Baixada, em
Curitiba.

"Tentamos, dentro do possível, atender a vontade da diretoria
do Atlético, mas a Confederação Sul-Americana se mostrou inflexível. Não haveria
tempo suficiente para realizar uma vistoria na arquibancada metálica e liberar a
venda dos ingressos, como manda o Estatuto do Torcedor", explicou Nabi Abi
Chedid, vice-presidente da CBF e um dos diretores do Comitê Executivo da
Conmebol. "Até o governador do Paraná (Roberto Requião) me ligou e tive de
explicar isso."

De acordo com Nabi Abi Chedid, a diretoria do Atlético-PR
demorou para iniciar as obras em seu estádio ou sugerir uma outra solução à
Conmebol. "Eles deveriam ter feito isso logo depois da vitória por 3 a 0 (contra
o Chivas), no primeiro jogo da semifinal. Agora, não acredito que será possível
‘dobrar’ a Conmebol", avisou Nabi.

O dirigente aproveitou para explicar o
regulamento que estipula que a decisão deve acontecer em estádios com capacidade
superior a 40 mil pessoas. "Inicialmente, o regulamente previa 50 mil. Depois de
muita conversa, todas as federações concordaram em baixar para 40 mil, por ser
um número mais adequado aos estádios da América do Sul. Não posso fazer nada se
o pessoal não lê o regulamento."

A diretoria do clube paranaense, no
entanto, parece ignorar a determinação da Conmebol e segue tocando as obras de
construção de uma arquibancada tubular, com capacidade para mais de 15 mil
pessoas, na Arena da Baixada.

Além disso, o Atlético garante que começará
a vender nesta segunda-feira os ingressos para o primeiro jogo da decisão em
Curitiba. "A CBF vai cumprir o que a Sul-Americana determinar e cabe a diretoria
do Atlético vender as entradas para o jogo em Porto Alegre", avisou Nabi Abi
Chedid.