O Serviço Nacional de Sanidade e Qualidade Agroalimentar (Senasa) da Argentina suspendeu hoje as importações de aves vivas e subprodutos do Estado do Rio Grande do Sul. Em uma nota distribuída à imprensa, há pouco, o Senasa explica que a medida é "transitória" e foi tomada após ter sido "detectado um foco da doença de Newcastle em frangos", no município de Vale Real.

"A medida tomada pelo organismo sanitário inclui a proibição do comércio fronteiriço de aves vivas e produtos avícolas, assim como também reforçar as medidas de controle nos postos de fronteira em relação ao transporte de aves vivas e produtos", detalhou a nota. O Senasa explicou ainda que solicitou aos técnicos de campo das províncias de Misiones, Corrientes e Entre Ríos, que "permaneçam em estado de alerta para notificar qualquer suspeita da presença da doença".