A Assembléia Legislativa aprovou nesta quarta-feira (5) a redação final dos três projetos do governador Roberto Requião que autorizam a abertura de créditos suplementares e adicionais, no valor de R$ 70,3 milhões, para obras nas áreas de educação, cultura, saúde, transporte e infra-estrutura.

Foi aprovada a abertura de créditos adicionais no valor de R$ 67,7 milhões ao orçamento das secretarias de Educação, de Saúde, de Desenvolvimento Urbano e de Transportes. Os recursos para esses créditos serão provenientes do Detran (Departamento de Trânsito do Paraná) e do Tesouro Geral do Estado.

Desse montante, R$ 32,7 milhões serão utilizados pela Fundepar (Instituto de Desenvolvimento Educacional do Paraná) para construção de novas escolas, obras de melhorias, reformas e reparos nas escolas estaduais e aquisição de equipamentos.

Outros R$ 22,7 milhões estão previstos ao Fundo Estadual de Saúde para ações voltadas à reformas, reparos, adaptações, aquisições de equipamentos para unidades de saúde e na aquisição de medicamentos e insumos hospitalares.

Nas secretarias de Desenvolvimento Urbano e de Transportes, estão previstos créditos adicionais de R$ 12,65 milhões para a construção da rodoviária de União da Vitória (R$ 1,5 milhão) e outros R$ 11,15 milhões para a execução das seguintes obras: recuperação de rodovia entre Ivaiporã e Jacutinga, implantação de vias marginais em Telêmaco Borba, construção de rodovia para desvio de tráfego pesado na PR 412 em Guaratuba e recuperação da travessia urbana de Tibagi.

Outro projeto propõe a abertura de crédito suplementar de R$ 2,5 milhões para Secretaria de Cultura. Os recursos, proveniente de cancelamentos de dotações da própria secretaria, serão usados na implantação do Centro de Eventos de Morretes, no litoral do Paraná. O centro será instalado nos prédios da antiga Fábrica de Papel São Marcos que passará por reformas. O complexo terá centro de recepção, auditórios, salas de apoio, biblioteca, lojas, praça de alimentação, sala da memória e palco ao ar livre para grandes eventos.

E o terceiro projeto de lei prevê a abertura crédito suplementar de R$ 115 mil ao orçamento da Unespar (Universidade Estadual do Paraná) para a conclusão de 10 salas de aula na unidade de União da Vitória. Os recursos que serão usados na conclusão das salas de aula são decorrentes de cancelamento de dotação da própria Unespar.