A humilhante goleada sofrida pelo Guarani diante do Sport por 8 a 1, neste sábado, em Recife, acabou derrubando o técnico Carlos Gainete. A demissão só foi confirmada três horas após o jogo, embora já fosse uma medida esperada. Este foi o maior placar da atual temporada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Alguns nomes já começam a ser comentados. O mais cotado é Luís Carlos Barbiéri, que estava na Portuguesa e que tem um histórico positivo no clube, tanto como jogador, como treinador. Cidinho, que jogou no Guarani nos anos 60 e que atualmente vem comandando o Guarani "B", é outro nome citado.

Os números de Gainete no comando do Guarani foram ruins. Em oito jogos, foram duas vitórias (ambas no estádio Brinco de Ouro), três empates e três derrotas. Dos 24 pontos disputados, ele conquistou apenas 37,5%, deixando o Guarani com um saldo negativo de sete gols. Foram dez gols a favor e 17 sofridos.