Alunos do curso de Jornalismo da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) estão participando, desde o início da semana, de manifestações contra a falta de professores. Hoje pela manhã, eles promoveram protesto no calçadão e seguiram em passeata até o prédio central da UEPG, na Praça Santos Andrade. Alunos de outros cursos também participaram. A UEPG solicitou a contratação de 181 professores temporários – pedido que foi negado pelo governo do Estado. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)