enkontra.com
Fechar busca

Notícias

Ação contesta contrato de vídeo loteria no Paraná

  • Por Redação O Estado Do Paraná

O advogado Carlos Abrão Celli ingressou com ação popular na Fazenda Pública de Curitiba contra o Serlopar (o Serviço de Loterias do Paraná), Eliseu Auti e Rui Sérgio Avelleda (diretores da Serlopar) e a Larami Diversões e Entretenimentos Ltda pedindo a anulação do contrato firmado entre as duas empresas para a operacionalização dos concursos de prognóstico de vídeo loterias no Estado.
Segundo Celli, que diz ter se baseado em dados do próprio Serlopar, a Larami não estaria cumprindo a regulamentação do sistema, segundo a qual a premiação mínima paga pelos terminais deve ser equivalente a 85% dos valores efetivamente inseridos nos terminais de apostas. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas