O impensável aconteceu: a Legião Urbana está de volta aos palcos. Ícone do rock brasileiro, a banda era formada por Dado Villa-Lobos (guitarra), Marcelo Bonfá (bateria) e Renato Russo (vocal e letras), foi a voz de toda uma geração através das letras, atitudes e comentários de seu vocalista, morto em 1996.

Os remanescentes a Russo sempre deixaram claro que não haveria Legião Urbana sem amigo, porém, nos dias 29 e 30 de maio, Dado e Bonfá subirão ao palco com o ator Wagner Moura, que fará as vezes do inimitável líder legionário. Por questões jurídicas com a família do cantor, a banda se apresentará com o nome Tributo à Legião Urbana.

O convite partiu da MTV e Moura, que ficou conhecido por interpretar o Capitão Nascimento no filme “Tropa de Elite”, não hesitou em aceitar. Além do ator, o show contará a participação especial do guitarrista Andy Gill, que toca com o icônico grupo Gang of Four, referência da Legião em canções como “A Dança”, do álbum de estreia.

O repertório da apresentação contará com estandartes da banda como “Meninos e Meninas”, “Pais e Filhos”, “Será” e “Faroeste Caboclo”.

Recepção

Apesar dos dois dias já terem ingressos esgotados, os fãs da Legião Urbana ainda estão receosos com esse “revival”, considerando um sacrilégio colocar o Capitão Nascimento como voz no lugar de Renato Russo. Nas redes sociais, pipocam comentários, tanto aprovando, quanto implicando o evento.

No entanto, segundo Dado Villa-Lobos, devido às brigas entre a Legião Urbana e os herdeiros de Renato Russo, essa é a última vez que ele subirá ao palco para tocar o repertório da banda.