enkontra.com
Fechar busca

+ Pop

Roniwalter Jatobá emociona com os heróis anônimos em novo livro

A obra ganhou ilustrações do renomado artista plástico Enio Squeff

  • Por Redação

O novo livro do escritor Roniwalter Jatobá, lançado pela editora Nova Alexandria, conta emocionantes histórias de heróis anônimos, baseadas na sua vivência de mais de 40 anos na cidade de São Paulo e nas lembranças de sua rica infância vivida em Minas Gerais e na Bahia. Intitulado Cheiro de Chocolate e Outras Histórias, o livro aborda a temática do trabalho e da vida de migrantes e trabalhadores que escolheram a cidade de São Paulo para realizar o sonho de levar uma vida melhor. Ruy Espinheira Filho, poeta e professor de literatura brasileira na UFBA (Universidade Federal da Bahia), destaca no prefácio que o “autor transmite com rara mestria a luta pela sobrevivência, o amor, o desamor, a alegria das conquistas, as dores das perdas, a indiferença, a solidariedade, a solidão, a força de sempre ir adiante”.

Ilustrado pelo artista plástico Enio Squeff, o livro é composto por 20 histórias baseadas em fatos reais. Segundo Espinheira Fillho, um professor ou um crítico diria ser este um livro de contos e crônicas. “Prefiro considerá-lo um volume de histórias, algumas das quais se assemelham a romances sucintos, tal a amplitude e densidade de seu conteúdo. Aliás, densidade e amplitude são características presentes em todos os textos, cuja fabulação contém, além de destinos migrantes, relatos de amor, lembranças da infância, momentos líricos e dramas de gente simples na metrópole”, avalia.

 Apreço por São Paulo

 Em Cheiro de Chocolate e Outras Histórias, as narrativas são ambientadas em duas localidades. A primeira é Bananeiras, um lugarejo no sertão da Bahia, próximo a Campo Formoso, onde Jatobá viveu sua infância e adolescência. A segunda é São Paulo, cidade adotada pelo escritor desde 1970. Ao longo do livro, vários bairros da capital paulista são apresentados como pano de fundo das histórias, tais como Brás, Itaim, Vila Ré, Bela Vista, Vila Maria e Jaguaré, refletindo o profundo conhecimento que Jatobá tem da cidade.

 O escritor afirma que São Paulo conseguiu conquistá-lo totalmente. “Gosto da cidade. A metrópole tem muitos defeitos, mas não saberia viver em outro lugar. Aqui, cresci profissionalmente e criei meus dois filhos”, enfatiza. Ele, que já passou por diversos bairros e atualmente mora na Bela Vista, aprecia a facilidade de ter tudo perto de casa – cinemas, livrarias, metrô, supermercados etc. Por outro lado, não gosta do trânsito caótico e da poluição.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas