O significado e o legado de Michael Jackson sem dúvida vão permanecer vivos por muitas gerações. Prova disso é o sucesso do show Tributo ao Rei do Pop, estrelado por Rodrigo Teaser e considerado o maior espetáculo da América Latina em homenagem ao astro norte-americano, que retorna a Curitiba no próximo 5 de maio, após um ano devido ao grande sucesso na cidade.

A apresentação recria toda a estrutura das principais performances do Rei do Pop e dessa vez o desafio para Rodrigo Teaser vai ser ainda maior: um show no palco Teatro Guaíra. No repertório, o artista traz grandes clássicos como Billie Jean, Thriller, Beat it, Smooth Criminal, Black or White, entre outros.

Show é digno de superprodução. Foto: Divulgação.
Show é digno de superprodução. Foto: Divulgação.

Além de dançar, o artista e fã de Michael Jackson também canta, tudo com apoio de uma banda ao vivo. O show conta com elementos que compunham a produção do rei do pop, como bailarinos, efeitos pirotécnicos e especiais, elevadores de palco e vídeos produzidos especialmente.

O processo de pesquisa e investimento para a concepção do show durou dois anos, contando, inclusive, com entrevistas feitas com os integrantes originais da produção do Michael Jackson. As coreografias, assim como os arranjos e figurinos, são reproduções exatas dos originais. Inclusive é o único show da América Latina com o aval do bailarino e coreógrafo LaVelle Smith, responsável pelas principais performances de Michael Jackson.

A trupe que consiste o espetáculo é formada por 8 bailarinos, uma banda tradicional, com bateria, teclados, guitarra e baixo, dois backing vocals e todos os elementos cênicos, como telão de led e efeitos pirotécnicos. O show demandou dois anos de pesquisa e investimento para chegar o mais próximo da realidade que era assistir ao show de Michael Jackson.

A apresentação está marcada para o dia 5 de maio, um sábado, no Teatro Guaíra. Os ingressos, que variam de R$50 (meia-entrada) a R$226 (inteira), de acordo com o setor, já podem ser comprados pelo Disk-Ingressos.