Os trens foram, no passado, parte importante da história do país e foi através deles que também veio a evolução, demonstrando sua importância até hoje, com a continuidade em suas operações pelos trilhos. É por tamanho envolvimento na história que se provoque tamanha curiosidade quando tratamos do assunto e foi pensando nisso que Serra Verde Express foi além e criou o Expresso Classique, um jantar que é muito mais do que sentar e aproveitar um prato diferente, mas sim uma experiência incrível.

A ideia é aproveitar a curiosidade de estar em um vagão de luxo e, ao mesmo tempo, saboreando menus de alguns dos melhores restaurantes da cidade. O programa, que é noturno, pretende juntar pelo menos oito chefs, um deles fixo, da própria empresa, e os outros sete de restaurantes de Curitiba, que vão desenvolver seus cardápios de acordo com temas diferentes.

Interior de um dos vagões. Foto: Divulgação.
Interior de um dos vagões. Foto: Divulgação.

Intitulado como Quinta Gastronômica, o passeio se torna uma verdadeira experiência. Todas as quintas-feiras, um restaurante assume o comando do primeiro vagão cozinha do Brasil, sempre revezando os restaurantes para que haja cada vez mais variedade. Segundo Adonai Arruda, o proprietário da Serra Verde, a ideia é fazer com que as pessoas se envolvam no projeto. “É muito mais que um simples passeio, é uma verdadeira experiência e até mesmo uma volta ao passado. Você embarca num vagão que remete aos anos 30 e se sente realmente viajando naquela época, comendo dos melhores pratos”.

O passeio dura aproximadamente quatro horas, pois além do jantar também tem sempre uma recepção com música ao vivo. O trajeto é bem curto: vai da Rodoferroviária de Curitiba até o Jardim Botânico. Mas o tempo no vagão é suficiente para provocar encantamento e nostalgia nos passageiros. O jantar é servido ao fim do passeio, quando o trem volta para a Rodoferroviária.

Programação e valores

Toda a comida é preparada no vagão cozinha. Foto: Divulgação.
Toda a comida é preparada no vagão cozinha. Foto: Divulgação.

A primeira edição foi no dia 16 de maio e foi comandada pelo restaurante Don Max, com o tema de comida da Grécia. Nesta quinta-feira (23), o restaurante Original Munich preparou os pratos com a ideia de trazer aos clientes o gosto típico da comida Alemã. Para as próximas edições, estão previstos um especial para o Dia dos Namorados – com o chef da própria Serra Verde -, outra semana com o Hard Rock Café Curitiba e também os restaurantes Pururuka, Babilônia e Lisboa.

O passeio custa R$ 279 por pessoa e o valor pode até parecer salgado se comparado apenas aos restaurantes, mas parando para analisar a experiência como um todo, vale. O programa inclui jantar (couvert, entrada, prato principal e sobremesa), além do estacionamento na Oficina do Trem, de onde parte a viagem. O passeio não inclui bebidas.

A capacidade do Expresso Classique é de 152 pessoas e as vendas para o jantar são antecipadas. Os bilhetes são vendidos exclusivamente pelo site da Serra Verde Express ou na Estação de Trem. É também no site que foi disponibilizada a programação completa para as próximas edições, sempre as quintas-feiras.

Foto: Divulgação.
Foto: Divulgação.

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

Vagão com varanda e visual incrível começa a circular entre Curitiba e Morretes