fotomemorias1.jpgEstréia no próximo dia 15, na Casa de Artes Helena Kolody, a montagem Memórias do Subterrâneo, adaptada a partir da obra de Fiodor Dostoievski pelo diretor Emerson Rechenberg. A peça vem sendo trabalhada desde o início do ano em seus diversos aspectos: adaptação do conto, ensaios e construção da cenografia. Para a viabilização da montagem, uma das salas da CAHK foi adaptada de modo a receber o cenário, que recria um porão, local onde o personagem da peça habita há alguns anos. É nesse ambiente hermético que o publico reduzido, em torno de 20 pessoas por sessão, acompanhará a trajetória desse homem que abriu mão do convívio social para fechar-se em seu universo fantasioso e extremamente cruel com as outras pessoas.

Já quanto à transposição do conto para a linguagem teatral, o processo foi realizado na prática, a partir das experimentações realizadas com o ator Nawbert Cordeiro, a partir da construção das falas e da narrativa. Essa minúcia na adaptação visa o melhor formato cênico, a fim do total entendimento por parte do público.

A montagem também serve como experiência prática sobre um tema recorrente na carreira do diretor Emerson Rechenberg: os monólogos. O tema foi objeto de estudo teórico em sua especialização em teoria do teatro, realizada na UFRGS, e a montagem deMemórias do Subterrâneo nesse formato reforça as pesquisas práticas iniciadas em outros monólogos encenados pelo diretor, como Nunca Mais (1996), Valsa n. 6 (2002) e As Últimas Flores que Colhi (2003). Essa última montagem foi realizada com o mesmo Nawbert Cordeiro e a repetição da equipe favorece o aprofundamento da estética escolhida. E a tranqüilidade em relação ao tempo despendido para a realização da produção, em torno de 6 meses, só foi possível devido à disponibilidade do espaço próprio e ao envolvimento de toda a equipe com a seriedade e o cuidado com a proposta.

Memórias do Subterrâneo permanece em cartaz até 18 de dezembro, de quinta a sábado às 21h e aos domingos às 19h, e devido à limitação da quantidade de público (20 pessoas por sessão), aconselha-se reservar antecipadamente.

Serviço
Memórias do Subterrâneo
De 15 de setembro a 18 de dezembro
Quinta a sábado às 21h e domingos às 19h
Sessões limitadas a 20 pessoas
Ingressos a R$ 12,00 (meia entrada para estudantes, classe, maiores de 65 anos e convênios)
Local: Casa de Artes Helena Kolody
Rua Brigadeiro Franco, 3625 ? Rebouças ? com estacionamento próprio
Informações e Reservas: 41 33346981 ou www.casahelenakolody.com