Ter de dormir em hotéis cinco estrelas, dirigir carros caríssimos e ficar amigo de celebridades pode ser o sonho de alguns mortais, mas foi, por uma semana, o trabalho dos apresentadores Deco e Lucas, que mostrarão o resultado da labuta em um rally de luxo a partir do dia 16 de julho, às 21h30, quando estreia o MTV Sports no Gumball 3000.

“É fora da realidade. Quando voltei, fiquei duas semanas tentando entender que estava de volta a São Paulo. Acordava achando que estava no hotel, querendo pegar o telefone para ligar para o serviço de quarto”, diverte-se Lucas. Com um equipe de cinco pessoas, a dupla de VJs participou de uma competição em que o objetivo era se divertir enquanto cruzavam 13 países europeus, como Dinamarca, ponto de partida, Suécia, Letônia e Mônaco, a chegada.

“É dirigir o dia todo e festejar a noite toda”, diz Lucas, repetindo o slogan do Gumball 3000. Por ser uma brincadeira de gente abastada, eles sondaram a organização do evento e acabaram convidados, com direito a carro dado pelos patrocinadores. O único porém foi dirigir um veículo inglês, com o banco do motorista à direita. “Errei a marcha várias vezes”, confessa Deco. Segundo ele, os concorrentes tinham facilidades. “Um dupla tinha um Rolls-Royce de 500 mil com motoristas para descansar e revezavam com suas Ferraris”, conta.

A cada noite, eles tinham reservas em hotéis frequentados pelo jet set europeu, onde aconteciam festas de arromba. “Fiquei triste de passar pouco tempo no quarto, só dormia umas cinco horas”, lamenta Deco.

Na corrida e nas baladas, a dupla convivia com participantes ilustres, como o ator David Hasselhoff (galã de Baywatch) e o campeão de skate Tony Hawk. “Acharam que a gente era megafamoso no Brasil, a gente foi bem tratado”, lembra Lucas. Na Rússia, eles receberam tratamento de autoridades. “A gente estava com escolta policial, pois em outra edição, pessoas foram assaltadas. Fechavam a rua, era como se eu fosse diplomata. E todo mundo andando rápido, parecia cena do Velozes & Furiosos”, compara Deco.

Mesmo com a crise pela qual a MTV passa, os VJs continuam a produzir para o canal, mas lamentam a situação. “É uma pena, pois temos muita liberdade. Não sei como vai ser daqui em diante, mas temos trabalho pela frente”, minimiza Lucas. “É uma fase de transição”, diz Deco, que deseja reviver o Gumball. “Se você tiver R$ 100 mil para gastar, me liga.”