Nem sempre dá tudo certo em programas ao vivo. O narrador global Galvão Bueno que o diga. Durante a transmissão do GP de Mônaco de Fórmula 1, ele deu uma bronca em sua produção.

Querendo saber quanto tempo falta para entrar no ar, Galvão reclamou: “Quanto tempo falta? Não pode contar direto para mim, porque dá um ‘delay’, tem que contar para o geral depois para mim”. Mas ele já estava sendo transmitido para todo o Brasil.

Constrangido, ele disfarça e continua a explicar a corrida aos telespectadores. Fazer o quê? Programa ao vivo é assim mesmo.