Incomodado com as críticas que recebeu após uma postagem no Twitter, o padre Fabio de Melo decidiu abandonar a rede social. Uma das celebridades mais ativas desta comunidade, ele afirmou que apesar de ter feito muitos amigos durante o tempo em que esteve ativo em suas postagens, aquele lugar “deixou de ser saudável” para ele.

 

Segundo o padre, os ataques começaram após ele publicar uma matéria sobre a “saidinha” do Dia dos Pais do assassino da menina Isabella Nardoni, Alexandre Nardoni. “Nunca tive dificuldade com as diferenças. Aliás, o meu ministério sempre foi exercido entre elas. Mas a dialética, um dos movimentos que nos permitem o acesso à verdade, vem gradativamente sendo substituída por acusações e julgamentos”, explicou em outra postagem.

O que Fabio de Melo quis dizer, segundo ele é que a “justiça não ser capaz de preservar, para os que sofrem suas perdas, o simbolismo das datas, libertando os responsáveis pelas mortes de seus entes queridos. Só isso”. Fabio admitiu que gostava muito de postar e fez amizades na rede social. “O Twitter sempre foi um lugar de encontro. A Àgora dos nossos tempos. O ponto de reunião improváveis. Falei e fiquei amigo de quem não passaria na porta da minha igreja. Foi bom”.

Mas despediu-se. Só não se sabe se foi um adeus ou um até logo.

+ Você sabia que está a um clique de ficar por dentro do que acontece em Curitiba e Região Metropolitana? Tudo sobre futebolentretenimentohoróscopo, nossos blogs exclusivos e os Caçadores de NotíciasVem com a gente!

Polêmica, ministra Damares Alves vem a Curitiba na segunda, pra evento na Prefeitura