Homens com músculos torneados e com superpoderes sempre estiveram por perto nos trabalhos que Kristin Kreuk, protagonista de Beauty and the Beast, fez na TV. Além da série, cuja segunda temporada está no ar pelo Universal Channel, todas as segundas, às 22 horas, a canadense tem o rosto conhecido por aqui pela atuação em Smallville, que narrava a adolescência do Super-Homem. Apesar do histórico, ela jura que a ficção não afetou as expectativas com homens da vida real.

“Espero que eles sejam fortões”, brinca. “Não penso assim, mas trabalho em séries em que eles têm poderes estranhos e problemas emocionais. Essa é a resposta”, diverte-se a atriz. Na atração atual, ela vive Catherine, uma detetive que se apaixona por Vicent (Jay Ryan), um ex-militar que, depois de experimentos científicos, se tornou uma figura que se transforma em monstro quando está fora de controle, mas que salva pessoas da ação de criminosos.

Na primeira temporada, o encontro dos personagens estava em primeiro plano. Agora, o romance é o foco. Na trama, Catherine é salva de um assalto que resultou na morte de sua mãe. Ela tem a impressão de que um animal atacou os criminosos. Anos mais tarde, ela descobre que seu protetor é um ser humano que vive escondido. Em troca de proteção, a detetive propõe que ele a ajude a conseguir detalhes da morte de sua mãe.

“As pessoas esperavam que eu fosse um jovem Ron Perlman (ator com histórico de filmes de heróis) com uma roupa de leão moderna. Ele é um soldado que desenvolveu características de uma fera, pois tem DNA de um animal no corpo. Por isso que quis esse papel. É mais interessante ter uma história moderna, é uma fera com muitas facetas e que vive uma confusão emocional”, filosofa Jay Ryan. “E agora tem mais cenas de luta”, reforça Kristin.

No segundo ano, houve uma troca de showrunner (figura que controla produção e roteiros), hoje sob o comando de Brad Kern (de Charmed e As Aventuras do Super-homem). “Agora, sabemos o que funciona ou não. Sinto que há mais energia e ação. Antes, havia muita coisa acontecendo”, palpita Kristin. “Vincent terá umas missões. Tenho o elemento romântico e, ao mesmo tempo, chuto alguns traseiros”, diz o ator.

Quando questionada sobre seu lado fera, a bela Kristin é interrompida pelo colega. “Quando você chega para gravar às 6 h e fala: ‘Bom dia, Kristin’. Ela responde com um grunhido”, faz graça. No episódio da semana que vem, o barco onde Vincent mora em sigilo será destruído por uma outra fera. Em seguida, o inimigo misterioso atacará a casa de Catherine e ela pede ajuda ao amado.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.H