Foto: Pablo Spipandelli

No espetáculo De…va…gar, Vanilton aborda a situação da dança no Brasil.

O coreógrafo mineiro Vanilton Lakka, vencedor do prêmio APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes) como melhor intérprete de 2005 pelo conjunto de trabalhos, estará apresentado os espetáculos Dúbbio e De…va…gar… – Últimos capítulos da cultura nacional, neste fim de semana, no Teatro da Caixa.

Em Dúbbio, a proposta de Vanilton é discutir a ambigüidade das relações humanas diante da solidão e da convivência com as marcas deixadas em nós. Uma questão é imposta: existe a possibilidade de ficarmos sós? Esta questão tenta ser respondida a partir da utilização de um corpo repleto de informações diversas como a dança de rua, dança clássica e técnicas de dança contemporânea, além de todas as outras técnicas cotidianas que compõe um corpo, resultando em uma dança híbrida.

Já com De…va…gar…, o coreógrafo pretende abordar a atual situação de financiamento da dança no Brasil. Para tanto, Vanilton entrevistou alguns profissionais experientes da dança brasileira e confrontou suas opiniões com os relatórios produzidos no fim do governo Fernando Henrique Cardoso (2002), e dos relatórios produzidos até a metade do governo Lula (a partir de 2002). Uma das conclusões possíveis foi a constatação que os problemas levantados em ambos os relatórios, tais como descontinuidade das pesquisas, concentração de recursos na região sudeste do País, falta de ação efetiva por parte do Estado, deixando nas mãos de grandes empresas a decisão sobre a utilização de recursos públicos, falta de definição clara quanto os direitos trabalhistas dos profissionais da dança e tributação abusiva gerando dificuldades na produção, não estão apenas nos relatórios, mas são sentidos diariamente pelos artistas. A partir de 1994, Vanilton começou a ampliar seu campo de ação, introduzindo seus estudos no ballet clássico, jazz, dança moderna e técnicas de dança contemporânea.

Serviço:

Dúbbio e De…va…gar.
Sexta e sábado, às 21h, e domingo, às 19h. Ingressos a R$ 10,00 e R$ 5,00 (clientes, idosos e estudantes), à venda no Teatro da Caixa (Rua Conselheiro Laurindo, 280).
Informações 3321-1999.