A Camerata Antiqua de Curitiba apresenta neste fim de semana obras de James MacMillan sob a regência de Wagner Polistchuk. O primeiro concerto será nesta sexta-feira na Paróquia São Judas Tadeu, às 20h, com reapresentação no sábado, no Teatro do Museu Oscar Niemeyer, às 18h30. O regente convidado, Wagner Polistchuk, é trombonista da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo e vencedor de vários concursos nacionais e internacionais, entre eles o Regência Prix Credit Suisse.

No repertório deste evento serão apresentadas duas grandes peças. A primeira é a "Sete Últimas Palavras da Cruz". Essa música é uma seqüência das sete últimas frases pronunciadas por Cristo na crucificação. "Com textos em latim e inglês as frases são cantadas de forma dramática e emocionante", diz Wagner Polistchuk. "Uma das coisas mais impressionantes é o uso do silêncio. O efeito que ele cria é tão potente quanto o som de uma orquestra sinfônica e realmente traz à vida os últimos suspiros de Cristo".

Essa música teve as partes vocais e instrumentais elaboradas a partir de dois modelos característicos: técnicas barrocas luteranas para o coral e as tradições e sofisticações dos estilos britânicos e poloneses do século XX para a orquestra de cordas.

A segunda peça apresentada é "Cantos Sagrados". Para o autor premiado e conhecido mundialmente, James MacMillan, inglês de 46 anos, o objetivo dos "Cantos Sagrados" é o de ser uma obra sacra e contemporânea ao mesmo tempo. Nessa peça são apresentadas três poesias que citam a América Latina. "Essas poesias relacionam a repressão política da América Latina com textos religiosos tradicionais que enfatizam a solidariedade", diz MacMillan.

Essa obra é tão densa que a Camerata Antiqua precisou de reforço musical. Para a apresentação o coro estará com um número de vozes ainda maior, de 16 cantores passa a ter 24, ao todo oito novos integrantes. "A peça exige um pouco mais do coro e por isso ele precisou ser ampliado", diz Wagner Polistchuk. "É a primeira vez que me apresento com a Camerata e MacMillan é uma das poucas peças modernas que podem ser trabalhadas com uma orquestra e coro deste tamanho", diz.

Serviço
Camerata Antiqua de Curitiba
Regência: Wagner Polistchuk
Programa: James MacMillan
Data: 16 de setembro, sexta-feira
Horário: 20h
Local: Paróquia São Judas Tadeu ? Rua Carlos de Laet, 2495 – Boqueirão. Telefone: (41) 3276-4021
Entrada franca
Reapresentação no dia 17 de setembro, às 18h30, no Teatro do Museu Oscar Niemeyer ? Rua Marechal Hermes 999 ? Centro Cívico. Telefone: 3350-4441
Entrada: R$ 5,00 e R$ 2,50.
Duração aproximada: 55 minutos