O ator Bruno Gagliasso, 38, fez um desabafo, neste sábado (19), em suas redes sociais, falando sobre racismo, após internautas criticarem uma rede de lojas por fazer um processo de trainee apenas para negros. Nele, o artista afirma que racismo reverso é lenda urbana, mas racismo estrutura é real.

No post, Gagliasso inicia a conversa chamando seus “irmãos brancos” e afirma que o racismo estrutural é “um monstro que a sociedade inventou lá atrás e até hoje deixa correr solto por aí”. “É triste, mas nossa sociedade é feita todinha em cima disso (…) Nós, os brancos de hoje, ainda nos beneficiamos desse método”.

“Até o início do século passado, essas pessoas eram proibidas de ter educação, possuir coisas, ter suas culturas respeitadas… E a gente aqui em 2020 precisa olhar pra isso com autocrítica e, principalmente, ação (…) Eu sei que todo mundo passa por dificuldades, mas, muitas vezes, essa dificuldade é maior por conta da cor de pele.”

O desabado do ator acontece após o anúncio da rede de lojas Magazine Luiza de que aceitará apenas candidatos negros e seu programa de trainee 2021. Apesar de ela afirma que “o objetivo é trazer mais diversidade racial para os cargos de liderança da companhia”, muitos internautas criticaram.

Gagliasso foi elogiado por seu posicionamento no Instagram: “Que bom ler algo em que eu realmente acredito de alguém como você”, afirmou um seguidor. “Que bom seria se todos fôssemos assim. Não teria isso de racismo”, comentou mais um. “Pessoas brancas não entendem seu privilégio”, disse outro.