Voltar ao passado é um exercício que o rock costuma fazer de tempos em tempos. Subgêneros que nasceram desde que Elvis rebolou pela primeira vez – e defraudou uma revolução na década de 50 – costumam ser revisitados por novos nomes e ganhar espaço com retornos de artistas clássicos. Punk, pós-punk e os anos 80 já tiveram sua dose de revival. O grunge sai na frente em 2010 como a bola da vez.

Com o retorno do Soundgarden no festival Lollapalooza, nos dias 6 e 8 de agosto, o estilo de camisas de flanelas, coturnos e bermudas recebe a peça necessária para trazer de volta as guitarras pesadas e arrastadas. São Paulo poderá sentir essa lufada quente e empoeirada com o show que a banda Mudhoney fará no final do mês em São Paulo, na Clash Club. Patinho feio do estilo nascido em Seattle (maior cidade do Estado americano de Washington), o grupo, liderado por Mark Arm, aterrissa pela quarta vez no País para fazer o que Arm considera um hobby: tocar. “Todos nós temos nossas profissões. Eu, por exemplo, gerencio o armazém da (gravadora) Sub Pop. Neste exato momento, por exemplo, estou falando aqui na gravadora”, disse ele, ao telefone.

Dos demais integrantes, Arm aponta o baixista Guy Maddison como o mais atarefado, pois trabalha na UTI do hospital da cidade. “Para mim, é fácil sair daqui. Os donos da gravadora até gostam, pois acabo divulgando os CDs”, declara Arm. Entre os oito discos lançados pelo Mudhoney, cinco são da Sub Pop.

Para o show que apresentará em São Paulo, no dia 21, na Clash Club, ele diz que não trará grandes surpresas: “Tocaremos músicas de todos os discos. Costumamos colocar canções mais pesadas, no estilo do nosso último disco (The Lucky Ones, de 2008) e de Superfuzz Bigmuff (primeiro e clássico álbum de 1988, uma espécie de cartilha de como tocar o grunge)”. Depois desse show, a banda tocará, ainda, em Mogi das Cruzes, no dia 22; e em São José do Rio Preto, no dia 23.

Mudhoney. Clash Club (R. Barra Funda, 969). Dia 21 de maio, às 21h. R$ 50. Vendas: Chilli Beans Shopping Morumbi e Shopping Paulista e www.ticketbrasil.com.br