O pianista e compositor norueguês Bugge Wesseltoft tem um razoável currículo de parcerias com brasileiros. Tocou no disco Sol de Oslo, de Gilberto Gil. Gravou também com Marlui Miranda e outros. É amigo de Rodolfo Stroeter. Expoente da cena do nu jazz, que surgiu nos anos 1990, ele abre o Nublu Jazz Festival nesta quinta-feira, 27, com o show Bugge’n Friends, na qual terá a participação do trompetista brasileiro Guizado (que já tocou com Nação Zumbi e Karina Buhr, entre outros).

“Acredito na música como uma linguagem global”, disse Wesseltoft ao jornal O Estado de S.Paulo. Ele acabou de lançar o disco OK World, no qual grava com seis músicos de três continentes. Sua praia é um mix entre eletrônico e acústico. Não faz distinção entre os instrumentos. “Até os 25 anos eu não tinha um piano, tinha computadores”, afirmou. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.