Na semana passada venceram seis animais paranaenses em São Paulo, quatro em São Vicente e um no Cristal, de acordo com pesquisa do colega Dalton Luiz Mehl Andrusko.

São Paulo – Aguai, por Yagli e Laughing Falcon (Bellypha) de criação do Stud Chesapeake; ReadyTo Glory, por Dancer Man e Marca Registrada (Danzig), de criação do Haras Pemale do Sul; Great Box, por Burooj e Recall Box (Emmson), de criação do Haras J. B. Barros; Queen Doge, por Dodge e Assertive Action (Assert), de criação do Haras Anderson; Diego A, por Nugeet Point e Imagin (Interprete), de criação do Beverly Hills Stud; Quarter Buck, por Spend A Buck e His Love (Dodge), de criação do Haras Anderson; Rimanú, por Burooj e Hot Be Good (Pirate?s Bounty), de criação do Haras Garcez Castellano e propriedade do Haras Rio Iguassú. Treinador: A. B. Pereira.

São Vicente – Marquês, por Blush Rambler e Makarowa (Magnasco), de criação do Haras São José da Serra; Willian King, por Balligh e Pensylvânia (Nindiano). de criação do Haras Truc; Alhambra, por Booming e Nurakkah (Hostage), de criação do Haras Dar-El-Salan; e Questo e Sappore, por Jules e Infini (Dynaformer), de criação do Haras Santa Maria de Araras.

Cristal – Querido Pampa, por Clackson e Tapera do Sul (Roy), de criação do Haras Anderson.