Salvador (AE) – O Vitória poderia ter vencido com mais facilidade o Internacional, mas o placar de 2 a 1 acabou sendo justo pelo que o time gaúcho produziu no segundo tempo da partida, neste domingo, no Estádio do Barradão, em Salvador. Mesmo desfalcado, o time visitante deu duro e dando um grande susto no tricampeão baiano. Obina fez o primeiro, Danilo empatou para o Inter no segundo tempo e Leandro Domingues fez o gol da vitória.

O Vitória começou colocando uma bola na trave logo aos 2 minutos, com Magnum. Aos 7, chegou ao primeiro gol, em uma bela jogada de Obina. Ele recebeu um passe de Edilson, deixou o zagueiro passar e chutou forte no canto de Clêmer.

O gol fez o Vitória ficar auto-suficiente no jogo. O time baiano abusou do toquinho a mais e, ao invés de aplicar uma goleada, passou a colecionar chances perdidas. Paulo Rodrigues também meteu uma bola na trave em um chute de fora da área.

Danilo, ex-jogador do rival Bahia, vinha sendo vaiado pela torcida, e devolveu a perseguição em forma do gol de empate.

Mas o técnico Agnaldo Liz soube substituir Cléber por Leandro Dominguez, autor do gol da vitória, de cabeça, em outra boa jogada de Edilson, aos 32 minutos.

O time baiano passou para 14 pontos e se igualou ao Internacional.

Ficha Técnica:

Vitória: Juninho; Carlinhos (Arivélton), Adaílton, Nenê e Paulo Rodrigues; Xavier, Vinícius, Cléber (Leandro Rodrigues) e Magnum; Edílson e Obina (Enílton) Técnico: Agnaldo Liz.

Internacional: Clemer; Wilson, Alexandre Lopes (Rafael Sobis) e Vinícius; Bolívar, Gavilán, Wellington (Diogo), Cleiton Xavier Danilo e Alex; Oséas. Técnico: Lori Sandri.

Árbitro: Romildo Correia (SP).

Cartão amarelo: Gavilán, Vinícius e Bolívar.

Gols: Obina aos 9 minutos do 1º tempo; Danilo aos 18 e Leandro Rodrigues aos 32 minutos do 2º tempo.

Renda e público: não divulgados.

Local: Estádio Manoel Barradas, Salvador.