O Vitória faz neste sábado um importante confronto diante do Atlético Goianiense, às 16 horas, no estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia, pela 12.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Um triunfo pode afastar o time baiano da zona de rebaixamento.

Trata-se, aliás, de um confronto direto na briga contra o descenso: sem ganhar há três partidas, o Vitória está apenas na 18.ª colocação com nove pontos, dois a mais do que o lanterna Atlético Goianiense.

Mas para superar o momento difícil, o técnico Alexandre Gallo precisa lidar com os desfalques do lateral-esquerdo Gefferson, suspenso, do atacante Kieza, lesionado, e do meia Gabriel Xavier, que pode ser negociado ao futebol japonês. A principal dúvida, assim, fica no ataque: David e Neilton brigam por uma posição.

Em meio aos desfalques, Alexandre Gallo explica que o Vitória precisa ser mais regular para subir na tabela de classificação. “Mais um jogo difícil, um jogo em que a gente vai tentar fazer o nosso melhor”, prometeu o treinador. “O Vitória precisa ter uma constância de 90 minutos, para aí sim pensar em pontuar. Claro que essa situação nos incomoda – a zona de rebaixamento. Mas, para qualificar a equipe a um campeonato longo, você precisa ter uma média de jogos com alto rendimento”.