O técnico Vinícius Eutrópio vive uma saia justa com a torcida da Chapecoense. Após a derrota para o lanterna Atlético Goianiense por 2 a 1 dentro de casa, ele teve que enfrentar os microfones para amenizar as vaias ao lateral-esquerdo Reinaldo e frear a expectativa de enfrentar o Barcelona na próxima segunda-feira, pela Taça Joan Gamper, na Espanha.

De acordo com o comandante, o foco está todo no jogo contra o Bahia, marcado para as 19h30 desta quarta-feira, novamente na Arena Condá, em Chapecó (SC), pela 18.ª rodada do Campeonato Brasileiro – a penúltima do primeiro turno.

De acordo com Vinicius Eutrópio, a Chapecoense “tem que tratar o jogo com o Barcelona com fator positivo e chegar lá com o maior número de pontos possíveis”. O time catarinense foi convidado para participar do torneio amistoso de pré-temporada após a confirmação do título da Copa Sul-Americana de 2016, como resultado da tragédia que matou 71 pessoas em um acidente aéreo na Colômbia: “É importante que o adversário olhe na tabela e veja a Chape bem. Que não chegamos lá só pelo que aconteceu no passado”, completou.

Mas essa não é a realidade do clube. A derrota para o lanterna manteve a Chapecoense com 21 pontos, apenas a dois da zona de rebaixamento. Quem mais sofreu com as críticas foi o lateral-esquerdo Reinaldo, um dos líderes do grupo. De acordo com Vinicius Eutrópio, “a derrota para o Atlético Goianiense foi de todos e não apenas do Reinaldo. O torcedor que vaiou como protesto, tem que vaiar a todos”. Ele também avaliou a partida como atípica.

Nesta terça-feira, o comandante fechou o trabalho para a imprensa e preferiu fazer mistério sobre o time que vai iniciar o jogo. O certo é que o zagueiro Douglas Grolli retorna de suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo e assume a posição de Luiz Otávio. Lourency também foi testado no lugar de Moisés Ribeiro, deixando o time com uma formação mais ofensiva. Pode ser uma alternativa em caso de necessidade. Recém-contratados, Roberto, Julio César, Guerrero e Penilla foram relacionados e começam o jogo no banco de reservas.