A negociação com o meia Carlos Villanueva, do Audax, ?está muito adiantada?, segundo Raúl Toro, técnico do time chileno, que admitiu ter conversado com o gerente de futebol do Palmeiras, Toninho Cecílio, que está no Chile desde a semana passada em busca de reforços.

Além de Villanueva, estão sendo observados os meias Gonzalo Fierro, do Colo-Colo, e Fernando Meneses, do Cobreloa. Todos fazem parte da seleção chilena. ?Seria lindo jogar no Brasil?, admitiu Villanueva, empolgado. ?E é verdade que há um contato?, emendou. Toro chegou a brincar: ?Seria interessante ver Carlitos (apelido de Villanueva) vestindo o mesmo tom de verde do Audax.? O valor inicial pedido pelo Audax assustou: 5 milhões de euros (cerca de R$ 12,6 milhões). O Verdão não aceita pagar mais do que R$ 7 milhões, valor pago por Valdivia ao Colo-Colo, ano passado.