No sufoco, o Vila Nova se manteve firme na briga por uma vaga no G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. Com gol aos 49 minutos do segundo tempo, o time goiano arrancou o empate contra o Oeste por 2 a 2, na Arena Barueri, neste sábado, pela 12.ª rodada.

Os goianos chegaram aos 20 pontos, firmes em quarto lugar. O resultado ainda serviu para que o time goiano impedisse a ascensão do Oeste na tabela. A equipe paulista segue em 14.º, com 16 pontos, longe da briga pela classificação.

O Oeste começou o duelo bem mais ligado do que o adversário e assustou logo aos nove minutos. Mazinho recebeu de Daniel Borges e mandou colocado, tirando tinta da trave. O Vila Nova entrou com uma estratégia bem definida de tentar surpreender o adversário, mas o time goiano não conseguiu encaixar um contragolpe na primeira etapa e viu o mandante ser mais incisivo, especialmente quando conseguia tocar a bola pelo meio. Em uma dessas trocas de passes, Gabriel Vasconcellos exigiu grande defesa de Wendell.

O Oeste aproveitou o bom momento para abrir o placar ainda no primeiro tempo. Aos 36 minutos, Mazinho caprichou na cobrança de falta e acertou o ângulo, sem chances de defesa para o adversário. Logo no começo do segundo tempo, Mazinho teve outro duelo com Wendell em cobrança de falta, mas desta vez o camisa 1 levou a melhor e salvou os goianos.

Ao contrário do primeiro tempo, o Vila Nova foi obrigado a sair mais para o jogo e conseguiu o empate aos 13 minutos da etapa final. Depois de cobrança de falta, Wesley Matos apareceu bem na segunda trave para desviar. A bola ainda tocou no pé da trave antes de entrar.

O jogo perdeu velocidade com o empate e ficou pouco movimentado. Em meio ao marasmo, aos 30 minutos, o Oeste conseguiu desempatar. Em nova jogada de bola parada de Mazinho, o meia colocou na cabeça de Leandro Amaro, que testou firme para o fundo das redes.

No final, o Vila Nova tentou pressionar novamente, mas encontrou o rival bem postado. O gol de empate veio só aos 49 minutos, quando o Oeste estava com um a menos depois da expulsão de Rodolfo por reclamação. Maguinho fez grande jogada e rolou para Alan Mineiro. O meia encheu o pé, mas acertou o próprio Maguinho. O desvio matou Gabriel Vasconcelos, que estava sob a meta.

Os dois times voltam a campo na próxima terça-feira, quando a Série B terá rodada completa. O Oeste vai até Pelotas enfrentar o Brasil, às 19h15. Um pouco mais tarde, às 20h30, o Vila Nova recebe o Paraná, em Goiânia.

FICHA TÉCNICA:

OESTE 2 X 2 VILA NOVA

OESTE – Rodolfo; Daniel Borges, Joílson, Leandro Amaro e Guilherme Romão (Jheimy); Wilson Matías (Lídio), Betinho e Mazinho; Velicka, Gabriel Vasconcelos e Danielzinho (Júlio César). Técnico: Roberto Cavalo.

VILA NOVA – Wendell; Maguinho, Wesley Matos, Guilherme Teixeira e Gastón Filgueira; PH (Mateus Muller), Geovane, Alan Mineiro e Alípio; Mateus Anderson (Tiago Adan) e Moisés. Técnico: Hemerson Maria.

GOLS – Mazinho aos 35 minutos do primeiro tempo. Wesley Matos, aos 13, Leandro Amaro, aos 30, e Maguinho aos 49 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Heber Roberto Lopes (SC).

CARTÕES AMARELOS – Rodolfo e Wilson Matías (Oeste); PH (Vila Nova).

PÚBLICO e RENDA – Não divulgados.

LOCAL – Arena Barueri, em Barueri (SP).