Sob olhares do técnico Marcelo Chamusca, que foi contratado para o lugar de Givanildo Oliveira, o Ceará conquistou um bom resultado nesta terça-feira ao empatar com o Vila Nova por 1 a 1, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Apesar de não ganhar há dois jogos, o Vila Nova continua na terceira colocação com 15 pontos, três a menos que o líder Juventude. Por outro lado, ainda não foi desta vez que o Ceará reencontrou o caminho das vitórias, figurando na 12.ª colocação com 12 pontos. O time foi dirigido de forma interina por Daniel Azambuja.

O primeiro tempo foi fraco tecnicamente. Em uma das únicas chegadas ao ataque, o Vila Nova abriu o placar aos 17 minutos. Alan Mineiro recebeu de Alípio na entrada da área e bateu no cantinho de Everson. Depois disso, o Ceará dominou o jogo e criou algumas oportunidades de gol com Rafael Carioca e Richardson, mas ambas as finalizações foram para fora.

No segundo tempo, o Ceará continuou pressionando e acertou a trave de Wendell em finalização de Arthur. Aos 21 minutos, aconteceu o empate dos visitantes. Rafael Pereira bateu de longe e a bola acertou o braço de Guilherme Teixeira dentro da área. O árbitro assinalou pênalti, convertido por Roberto. O jogo ficou aberto nos minutos finais, mas terminou mesmo sem vencedor.

Os dois times voltam a campo neste sábado, pela 10.ª rodada. O Vila Nova faz o clássico contra o Goiás, às 16h30, novamente no estádio Serra Dourada. No mesmo horário, o Ceará recebe o Oeste, no estádio Presidente Vargas, em Fortaleza.

FICHA TÉCNICA

VILA NOVA 1 x 1 CEARÁ

VILA NOVA – Wendell; Léo Rodrigues, Guilherme, Wesley Matos e Gastón Filgueira; Geovane, Mateus Anderson (Wallyson), PH e Alan Mineiro; Marcos Paulo (Claudinei) e Alípio (Moisés). Técnico: Hemerson Maria.

CEARÁ – Everson; Tiago Cametá, Rafael Pereira, Valdo e Romário; Richardson (Felipe Menezes), Raul, Pedro Ken (Rafinha) e Rafael Carioca (Ricardinho); Arthur e Roberto. Técnico: Daniel Azambuja (interino).

GOLS – Alan Mineiro, aos 17 minutos do primeiro tempo; Roberto (pênalti), aos 21 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Marcos Paulo (Vila Nova); Valdo, Romário e Roberto (Ceará).

ÁRBITRO – Sávio Pereira Sampaio (DF).

RENDA – R$ 53.905,00.

PÚBLICO – 3.492 pagantes.

LOCAL – Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).