Dupla comemora vitória no Rali da Graciosa.

Depois de um jejum de um ano sem vitórias no Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade, a dupla Tino Vianna e Edu Paula, da equipe Subaru, já pode comemorar a virada no ano. Na última etapa do campeonato, em Erechim, os dois completaram cinco vitórias consecutivas, em Erechim. Com esse resultado Tino e Edu dispararam na liderança e já acumulam 111 pontos na categoria N2 (sem preparação, motor 1.6 cc) do campeonato, vinte pontos à frente de Édio Fuchter/João Gomes, também da Subaru. Foi o final de uma fase difícil superada, segundo a dupla, pela fé, pelo compromisso com o projeto da equipe e por muito, mas muito trabalho.

Além do ingrediente místico, ter uma equipe comprometida com o trabalho e um bom carro foram os ingredientes da receita para conseguir a virada na competição. ?Há cerca de um ano começei a me ligar mais à igreja, a Jesus e isso me ajudou bastante. Estou vivendo um momento de elevação positiva e as vitórias que estamos conseguindo são resultado de uma luta de muito tempo?, disse.

Para o piloto, a fase que ele e Edu Paula viveram já era esperada no início da competição. ?Nós tínhamos um planejamento. Testamos várias modificações no carro que poderiam ou não dar certo. Agora estamos no caminho certo. Um título na temporada, nessa minha nova fase pessoal, seria especialmente importante?, completou o bicampeão do brasileiro de Rally de Velocidade (1982/1984).

Primos em primeiro grau, Tino e Edu cresceram juntos e começaram disputando corridas de rolimã na rua onde moravam. A paixão pelo esporte os acompanhou e a amizade e o companheirismo foram fundamentais para superarem, segundo Edu Paula, a difícil fase sem vitórias.

?Enfrentamos momentos complicados, mas sempre tentei ajudar o Tino no lado da motivação, dizendo que tínhamos condições de ganhar. Acredito que deu certo. Demos a volta por cima porque a motivação ajudou e também porque conseguimos ajustar o carro corretamente. Os dois pontos devem andar sempre juntos. De nada adianta ter um carro bom e não acreditar no próprio potencial?, sentenciou.

?Agora vamos para Ouro Branco com muita sede. A disputa ainda não terminou e o Édio e o João estão bem próximos de nós. Queremos fazer um bom levantamento do percurso para não termos surpresas?, concluiu o navegador.
A próxima etapa (a penúltima) do Brasileiro de Rally de Velocidade será dias 21 e 22 de setembro em Ouro Branco, Minas Gerais. (Cristina Rebello – especial para O Estado)