enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Vasco garante final com vitória fácil

  • Por Agência Estado

Deu a lógica no ?treino de luxo? do Maracanã. O Vasco venceu o Americano por 2 a 0 e garantiu ontem a vaga para disputar a final do campeonato carioca. Enfrentará o Fluminense em duas partidas – na quarta-feira e no domingo. Por ter ficado em primeiro lugar na fase inicial, o Vasco jogará por dois resultados iguais para conquistar o título.

A equipe entrou em campo com a vantagem de poder perder por até três gols de diferença. Sua superioridade sobre o time campista era inquestionável. E o time pareceu acomodado a maior parte do tempo, sem vontade de jogar.

O primeiro gol surgiu aos 32 minutos. Após cruzamento de Léo Lima da direita, Marques cabeceou com estilo. Antes, o Americano só ameaçara uma vez a defesa do Vasco, num chute do lateral Marco Lucas. O jogo era lento e a pequena torcida presente ao Maracanã estava dispersa e mais disposta a lembrar, em coro, a eliminação do Flamengo da competição. A partida em si não parecia ter a menor importância.

Com o acúmulo de erros de passes do Vasco, o público passou a pedir “Edmundo” – cujo retorno ao clube está sendo discutido pela diretoria.

Enquanto o Americano não esboçava reação e tentava de forma atrapalhada algum ataque mais perigoso, o Vasco tocava a bola lateralmente, sem a intenção de uma bonita exibição. Ainda assim, num lance raro do jogo, Souza tabelou com Marcelinho e chutou rasteiro, na saída do goleiro Charles, aos 45, para fazer 2 a 0. O segundo tempo foi mais desinteressante. Marcelinho deixou o campo após sofrer falta violenta. Deu a vez para o jovem Cadu.

O médico Fernando Mattar disse depois que o meia terá condições de jogar com o Fluminense na quarta-feira. O Americano fez três substituições e tentou pelo menos deixar o Maracanã com um gol. Fabrício chutou a bola na trave, após uma falha de Léo Lima. Mas foi só isso.

O Vasco, apesar da má vontade, dominava o adversário. Carlinhos e Souza tiveram a chance de ampliar, mas erraram na finalização. De fora de campo, ouvia-se o tempo todo a voz rouca do técnico Antonio Lopes, exigindo que o time atuasse com atenção. Certamente, foi o que mais se esforçou no jogo frio e monótono que classificou o Vasco.

Ficha técnica

Local: Maracanã (Rio de Janeiro). Árbitro: Samir Yarak. Gols: Marques aos 32 e Souza aos 45 do primeiro tempo. Cartão amarelo: Anderson Luís, Cristiano, Marcelo Carioca e Luciano Netter. Vasco: Fábio; Russo, Alex, Welington Paulo e Edinho; Rogério Corrêa (Henrique), Bruno Lazaroni, Marcelinho (Cadu) e Léo Lima; Marques (Carlinhos) e Souza. Técnico: Antônio Lopes. Americano: Charles (Gabriel); Anderson Luís (Cristiano), Rogério e Laerte; Chiquinho, Luciano Netter, Baiano, Ronaldo e Marcos Lucas; Fabrício e Marcelo Carioca (Fabrício Corrêa). Técnico: Gaúcho.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas