Demorou, mas o Valencia finalmente convenceu sob o comando de Gary Neville nesta quinta-feira. Com o 7 a 0 levado diante do Barcelona no início do mês ainda na garganta, a equipe foi à forra diante do Rapid Viena, marcou cinco vezes nos primeiros 35 minutos de jogo e goleou por 6 a 0. O resultado no Mestalla praticamente a garante nas oitavas de final da Liga Europa.

Com o triunfo, somente um desastre na quinta-feira que vem tiraria o Valencia da próxima fase da Liga Europa. A equipe precisaria ser derrotada por sete gols de diferença na Áustria para ficar de fora do torneio.

Nesta quinta, o grande nome da vitória foi o atacante Santi Mina, que participou dos cinco primeiros gols. Ele abriu o placar logo aos quatro minutos, aproveitando assistência de André Gomes. O próprio Mina, então, mudou de função e serviu Daniel Parejo, que ampliou aos 10 minutos.

O dia era mesmo de Santi Mina, que deixaria sua marca mais uma vez aos 25 minutos. O Rapid Viena não encontrava reação. Resignado, viu o show de Mina continuar com outras duas assistências ainda no primeiro tempo: para Negredo, aos 29 minutos, e André Gomes, aos 35. No segundo tempo, foi só administrar o jogo e segurar o resultado. Ainda deu tempo para Rodrigo selar o placar aos 44.

OUTROS RESULTADOS – Na Turquia, a Lazio conseguiu um bom resultado no jogo de ida diante do Galatasaray ao ficar no 1 a 1. Diante da fanática torcida rival, viu o adversário sair na frente com Sarioglu logo aos 12 minutos, mas buscou o empate ainda no primeiro tempo, com Milinkovic-Savic, aos 21. Agora, pode até empatar por 0 a 0 na volta, semana que vem, em Roma, que estará nas oitavas de final.

Quem conseguiu ótima vantagem nesta fase eliminatória foi o Athletic Bilbao, que foi à França e surpreendeu o Olympique de Marselha ao vencer por 1 a 0. O único gol da partida foi um golaço de Aduriz. Aos nove minutos da segunda etapa, o atacante aproveitou sobra de bola na intermediária e arriscou de primeira, mesmo muito de longe, sem deixar ela cair. Ele encobriu Mandanda e garantiu o triunfo.

Também por 1 a 0, o Sparta Praga derrotou o Krasnodar em casa e garantiu uma pequena vantagem para o jogo de volta na semana que vem, na Rússia. Lukas Julis, no início do segundo tempo, marcou o único gol da partida para os checos.